Investimento busca consolidar a empresa nas soluções de segurança via nuvem

A Forcepoint, líder global em soluções de cibersegurança, anuncia a aquisição da Cyberinc, empresa especializada em tecnologias de RBI (isolamento remoto de navegadores), que permite navegação na Web por meio de nuvem e proteção contra ataques virtuais.

A aquisição representa um movimento da Forcepoint para se consolidar em um cenário que apresenta cada vez mais desafios para equipes de segurança que precisam se adaptar rapidamente aos espaços de trabalho híbridos. Além disso, a arquitetura digital SASE (Secure Access service Edge), que reinventou a fragmentação do espaço virtual e produtos de segurança como serviços convergentes e de nuvem, cresce no mercado e apresenta um proeminente caminho a ser seguido.

De acordo com a consultoria norte-americana Gartner, 60% das empresas terão estratégias de implementação do SASE até 2025, representando um aumento de 50% em relação ao número de 2020 (10%).

“A Forcepoint está colocando em prática nossa visão da oferta de SASE mais acessível da indústria, oferecendo segurança baseada em análise de riscos para qualquer lugar do mundo, para dar aos nossos clientes consistência e proteção de onde quer que seus empregados estejam trabalhando”, diz Manny Rivelo, CEO da Forcepoint. Ainda de acordo com ele, a compra da Cyberinc e de seus serviços de isolamento de navegadores é só o primeiro de muitos investimentos que a empresa pretende fazer para “aumentar a produtividade do usuário e diminuir burocracias operacionais através de um serviço de nuvem de primeira linha”.

A Cyberinc desenvolveu o primeiro sistema de isolamento de navegador da indústria que é capaz de se adaptar ao histórico de navegação do usuário e identificar páginas e sites perigosos. O sistema, que é otimizado para obter melhores resultados de UX (User Experience/ Experiência do Usuário), renderiza localmente sites seguros enquanto faz o mesmo de maneira remota com sites que o sistema entenda que possam ser nocivos. O RBI da Cyberinc passa a integrar as soluções de SASE da Forcepoint, que já incluem serviços de nuvem, segurança e proteção de e-mails e firewall.

De acordo com o CEO da Cyberinc, Samir Shah, “a nossa empresa, assim como a Forcepoint, entende que a chave para a segurança moderna e estar um passo à frente da ameaça, e prevenir ataques antes que eles possam acontecer”. A compra aumenta o portfólio de soluções em RBI da Forcepoint, após o lançamento em julho de 2020 de um programa de isolamento de navegador desenvolvido pela Ericom.

Além da aquisição, a Forcepoint anunciou também um centro de inovação em Mumbai, na Índia, para atuar com as equipes de TI e engenharia de softwares da Cyberinc no país.

Sobre a Cyberinc

A Cyberinc previne ameaças na web, e-mail e documentos antes da violação. A companhia utiliza um modelo Zero Trust, alimentado por segurança baseada em isolamento para reduzir a superfície de ameaça exposta e eliminar o risco de violação de um clique inadvertido ou download de documento. A empresa simplifica a segurança evitando ameaças antes que causem danos. A Cyberinc tem a confiança de empresas e instituições governamentais em todo o mundo. Mais informações podem ser encontradas em www.cyberinc.com

Sobre a Forcepoint

A Forcepoint é líder global em segurança cibernética. As soluções baseadas em comportamento da Forcepoint se adaptam ao risco em tempo real e são fornecidas por meio de uma plataforma de segurança SASE nativa da nuvem que protege usuários, dispositivos e redes conforme as pessoas acessam a web e a nuvem. As soluções evitam o roubo ou perda de dados confidenciais e propriedade intelectual, independentemente de onde as pessoas estão trabalhando e eliminam violações causadas por pessoas internas. Com sede em Austin, Texas, a Forcepoint cria ambientes seguros e confiáveis para milhares de clientes empresariais e governamentais e seus funcionários em mais de 150 países.

Fonte:https://www.segs.com.br/info-ti/289187-forcepoint-anuncia-aquisicao-da-cyberinc